sábado, dezembro 30, 2006

781. Nem assim...




Mesmo tratando-se de quem se trata, mesmo sabendo-se do que foi capaz e de que nefandos crimes foi responsável...

... nem mesmo assim se justifica uma condenação à morte e menos ainda a execução de tão execranda sentença.


... nem assim, quanto mais...
...

10 comentários:

Menina_marota disse...

Eu sou contra a pena de morte! Seja de que forma ou em quem...

Acho que houve uma precipitação enorme, que vai trazer consequências graves.

O advogado dele tinha ou ia apresentar outro recurso, porque ainda não se tinham esgotado juridicamente todas as saídas...e esta morte quase às "escondidas" para mim é um crime, que também fizeram aqueles que estavam a clamar por justiça.

Fez-se REALMENTE JUSTIÇA?

No meu entender, não. Mas deixo a pergunta...

Um abraço e FELIZ ANO NOVO para ti e quem te acompanha neste curso de Vida.

Sulista disse...

...Concordo amigo Ruben, mas são tds a mesma treta...Bush, Saddam, etc, tudo uns criminosos!!

Beijinho

Ruvasa disse...

Viva, Maria João!

Embora, no fundo, haja pontos de contacto, uns mais do que outros, claro.

Mas tudo vai ser alterado já nos próximos 30 anos.

Dentro de algum tempo, vou meter um post que se insere no que vi recentemente lá pela China e acerca do que até já tinha escrito algo, aqui no blog.

Beijinho e entra bem, ok?

Ruben

Ruvasa disse...

Viva, Menina_marota!

Claro que a pena de morte é absolutamente inadmissível.

Não aceito, mas compreendo, um homicídio a "quente", no decurso de uma disputa ou em sequência de uma provocação que treslouque o atingido; não aceito nem compreendo a morte decretada por sentença de seres humanos contra outros seres humanos, pensada e decidida a "frio".

Abraço e excelente 2007.

Ruben

Professor disse...

No meu blogue também já perguntei: Cadê os outros?
Um abraço.

Ruvasa disse...

Viva, Professor!

Pois...

Abraço

Ruben

Tony disse...

"Aterrei" no seu Blog por acaso e gostei do que li.
Este comentário tem dois desígnios: em primeiro lugar, dar-lhe os parabéns pelo Blog; em segundo, concordar consigo de forma veemente, em relação à pena de morte e, em especial, à morte de Sadaam.
Qualquer pessoa de boa fé saberá que a pena de morte não resolve nada e é desumana, sejam quais forem as culpas do condenado.
Dito isto, desejo-lhe sucessos pessoais e cibernéticos.
Um abraço.

Ruvasa disse...

Viva, Tony!

Obrigado pelas amáveis palavras.

Agora estou aqui:

http://ruvasa2a.blogspot.com

Cleopatra disse...

Subscrevo sem qualquer hesitação.

"Antonio" disse...

Ruvasa vim dar uma passada aqui amigo quanto sua Matéria sobre Sadan Hussem isso foi uma afronta a Humanidade que ele era mau sim
mas ser feito o que fez por ordem dos Americanos que tanto civil inosente matarão com os bombardeiros Buschi merecia o mesmo. Abraços Amigo.