domingo, março 06, 2005

231. A "charge" oportuna

Os colegas de O Acidental , com especial destaque para [PPM], autor da charge, certamente que não vão zangar-se demasiado comigo por transcrever para aqui um post seu. É que, sabem?, não consegui resistir…

Ele aí vai:


Última notícia
Com Freitas do Amaral no Palácio das Necessidades, o Ministério dos Negócios Estrangeiros muda o nome para
Ministério do Negócio Fechado.

É de categoria, homem!

2 comentários:

AJFerrao disse...

http://www.ajferrao.blogspot.com/

Somos a “risota” do mundo!
Party's over

The inclusion as foreign minister of Diogo Freitas do Amaral, once a figure of scorn for the Portuguese left, is as surprising as Vitorino's absence.
He founded the country's main conservative party but is now an anti-war scourge of US President George W. Bush and almost a darling of the left.
But his old party, the CDS-PP, has not welcomed the metamorphosis. Shortly after his appointment, they took down his portrait from its place of prominence in party headquarters and posted it to the Socialists' HQ - almost certainly second class.
http://www.ajferrao.blogspot.com/

Ruvasa disse...

Yes, indeed.

Ele foi realmente uma "figure of scorn for the Portuguese left", é, certamente, um "anti-war scourge of G.W.Busch", mas é, acima de tudo, actualmente, um "darling of the left". E será, talvez também, outras coisas engraçadas que por aí se vão ouvindo mas que, por decoro, não transcrevo aqui.

No futuro, mais poderá e virá, com toda a certeza, a ser. Freitas tem provado ser homem de extraordinários recursos, de metamorfoses imensas, algumas insuspeitadas. É, na verdade, um artista da metamorfose.

Já leu a "extraordinária" peça de teatro que o homem, na sua metamorfoseada caminhada escreveu aqui há tempos atrás? E que até foi levada à cena no Trindade e tudo?

Constou-me até ultimamente que teria já partejado outra masterpiece. Confesso que estou a arder em ansiedade para a ler.

Cumprimentos